2006-10-25

dos medos...

Quando era criança, tinha medo do escuro, de cobras, de perder os meus pais, de Deus e do inferno. Agora, que já perdi esses todos - tenho da própria sombra.

2 comentários:

  1. Não precisas, que se a tua sombra seguir os teus passos, ela é uma sombra muito boa! :)

    ResponderEliminar
  2. Não são precisas muitas palavras para ir ao âmago. Este é um dos teus posts mais profundos, daqueles que se imprimem para com ele andar no bolso das calças.

    O medo sem os fantasmas, sim.

    Beijo grande, ó mana ;)

    ResponderEliminar