2007-02-12

Pela vida...

...fiquei contente, ontem. Não será o medo da lei, do castigo, mas a decisão livre e a consciência de cada mulher e de cada homem, que decidirão pela maternidade e paternidade responsáveis. Sei que muita coisa há a mudar, nas políticas de família, na saúde, educação etc. Cabe-nos a todos vigiar e responsabilizarmo-nos para que tal aconteça.

2 comentários:

  1. Eu também fiquei contente, por isso. Mas não tanto como podia, pois custa-me a entender que o meu povo se alheie de uma questão tão importante.

    ResponderEliminar
  2. Lino, também me custou isso de que falas. Porque reflecte algumas coisas menos boas. Mas confiemos que melhores tempos virão.

    Obrigada, pela companhia ;)

    ResponderEliminar