2009-09-24

crer no Espírito crer na Igreja

Quando se diz no Credo, creio no Espírito Santo, creio na Igreja, não têm as duas afirmações de fé o mesmo sentido.

Crer no Espírito de Jesus que actua no mundo e na comunidade, é confiar e entregar-se a Ele. O Espírito que nos faz crer é a origem da fé. A Igreja não é objecto de fé, mas lugar e espaço de amadurecimento da fé, da sua prática e celebração.
A Igreja é também a comunidade convocada pelo poder do Espírito Santo que nos impele para que creiamos nele.


A Igreja é um lugar privilegiado para nos renovarmos na acção do Espírito Santo. Não quer isso dizer que, muitas vezes, não possamos discordar das propostas que a mesma nos faz. Qualquer cristão baptizado - e assistido pelo Espírito Santo - não se pode demitir da sua vocação de crescer e fazer a Igreja crescer. Tem, por isso, de estar atento aos sinais do Espírito que irrompe em cada instante da vida e ser-lhe fiel. Mesmo, ou sobretudo, se tiver de discordar do Magistério e da restante comunidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário