2010-05-24

Para descansar os olhos

Uma vista do jardim.

17 comentários:

  1. Tripla beleza!

    Sou só eu que vejo as fotos repetidas duas ou três vezes?

    ResponderEliminar
  2. Huuumm, tripla, não consigo chegar lá. Agora, sim, publiquei três do mesmo lugar. Tiradas de altitudes diferentes.

    ResponderEliminar
  3. António, seja bem aparecido que isto de ir dar sempre ao postigo fechado dá uma certa ansiedade. E, como vê, comigo é mais espaços abertos.

    É um grande privilégio, sim.

    ResponderEliminar
  4. (Ó Valha-me Deus, vão pensar que o ar puro anda a dar-me cabo dos neurónios)

    mas já vi que é uma avaria técnica. Publiquei três vezes a mesma foto. Sem me aperceber disso. No meu computador só aparece uma, entrando pelo Firefox. (No trabalho nunca vou ao blogue, só ao facebook e aos e-mails, ts, ts, ts) quando souber resolver...

    Tens toda a razão, Helena! :)

    ResponderEliminar
  5. Eu até costumava ver a serra de Monsanto. Agora vejo prédios, auto-estradas, uma ou outra árvore, uma várzea e aviões a levantar voo.
    Beijos

    ResponderEliminar
  6. Olha... Eu uso a versão antiga ou HTML do editor de mensagens e nunca tenho problemas destes...

    E sim: as ferramentas da Google têm alguns problemas com a última versão do Firefox (3.6)... Se puderes usa o IE temporariamente enquanto eles não resolvem melhor a coisa, pelo menos quando necessitares de edição avançada...

    E sim, realmente temos por aí muita maravilha que nem nos damos conta...

    Até amanhã!...

    ResponderEliminar
  7. Só acho que esses eucaliptos são um "ruído" na paisagem.
    Essa árvore é demasiado feia, desasada, para tomar tanto protagonismo na paisagem portuguesa.

    Favas (des)contadas

    ResponderEliminar
  8. Lino,

    também vejo a Serra de Monsanto...ao longe.

    Beijos

    ResponderEliminar
  9. Obrigada, P.P.

    Já tentei resolver e ainda não consegui. Tem de ficar para o fim-de-semana. É que ainda por cima, viver no cimo do monte é muito bom, mas a última trovoada avariou-me o computador. E estou a utilizar um improvisado. Não há pressa.

    Até amanhã.

    ResponderEliminar
  10. Pois, também lamento os eucaliptos, Favas (Des)contadas. Felizmente não é permitido plantar mais. Mas a verdade é que as terras se vão enchendo de mato. Está muito bom para os meus passeios, mas inquieta.

    ResponderEliminar
  11. Olá JdL!... Pois... Nesse caso foi um crash na hora H... Apaga a entrada e volta a inserir com o PC "improvisado" enquanto não tiveres o teu de volta. Provavelmente ficaste com o disco rígido corrompido, o que é muito comum nessas alturas... Mas vá lá, também não é nada para desanimar...

    Até amanhã!...

    ResponderEliminar
  12. O meu HD está bom. ;) a avaria foi na placa de rede do portáctil. Mas já tenho um modem Wireless. Vou fazer a ligação desse modo.

    Isto com calma resolve-se.

    Até logo ;)

    ResponderEliminar
  13. Olá JdL!...É desligar a placa de rede do portátil para não estar sempre a dar mensagens de erro... Mas cuidado... Vê bem no manual da BIOS como se faz para não desligares a Wireless nem até quem sabe outros componentes vitais como o próprio monitor!... Hoje em dia as BIOS são já suficientemente intuitivas para não precisarmos de pagar (bem caro...) a um técnico para fazer esse tipo de tarefas... E se fores técnica de informática desculpa estes conselhos então desnecessários!...

    Bom fim-de-semana!...

    ResponderEliminar
  14. ehehehe

    sei um pouco de informática sim, mas não o suficiente para ser técnica. Coisa que até se dispensa, não é?

    Ao preço a q estão os computadores é usar e deitar fora. Se quisermos fechar os olhos ao ambiente, às condições desumanas dos trabalhadores das grandes fábricas da Ásia, aos nossos vícios consumistas...

    Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar