2010-06-08

espreitando a vizinhança

Aterrisagem, perfeita, diga-se, no planeta rochoso e estéril. O astronauta americano abandona a nave, dá meia dúzia de passos televisionados, e enterra a bandeira do seu país no solo e, nesse mesmo instante, cava-se um abismo sob ele que o engole.
Nós, por vezes, esquecemo-nos de que os planetas também podem sentir dor.

Com um abraço de saudade para o José; já não nos vemos há um bom pedaço de tempo.




2 comentários:

  1. Tenho andado por outros planetas ;)

    abraço

    ResponderEliminar
  2. Viva, José!


    Temos o Universo por nossa conta...bons andamentos.


    abraço

    ResponderEliminar