2010-08-24

testemunha

a televisão debita loucuras e insanidades. Do jardim, o canto de um grilo impõe-se. Cedo à doçura do canto e desligo o aparelho. Ainda que o canto não seja para mim...

6 comentários:

  1. escusado será dizer que mais logo será uma benesse o quarto ser do outro lado da casa...porque a serenata é para durar...

    ResponderEliminar
  2. também estou caso a ouvir o canto dos grilos...

    que bom que é essa musicalidade nos campos.

    beijinho MC

    ResponderEliminar
  3. olá, Luís


    pois...mas hoje apanhas-me num dia de contrastes: de um lado a musicalidade e do outro a peçonha. A proximidade tem dessas coisas. Colhe-se o bom e o mau. Tudo em cheio e em força. A musicalidade envolvente realça tudo isso. Só se não sentisse. E, aí, não escutaria o grilo...seria pior.

    beijinho...e boa viagem ao Oeste?!

    ResponderEliminar