2010-10-15

meditação antes do tal brinde

E que dizer daquela mania tão usual quanto iníqua, de estarmos sempre à espera de que as pessoas contem a sua vida a partir dos sucessos? Não podemos ser todos confessores uns dos outros, mas era bom que habituássemos os nossos ouvidos e coração a escutar as derrotas e fracassos que acontecem em todas as vidas.

2 comentários:

  1. Os insucessos não dão audiências.
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. não é bem assim! (Embora tenhas, razão)há também uma faceta necróbia nas mesmas.

    Beijos

    ResponderEliminar