2010-10-03

"Vou ficar de pé..."

1. 2*Até quando, SENHOR, pedirei socorro,
sem que me escutes?
Até quando clamarei: «Violência!»,
sem que me salves?
3Porque me fazes ver a iniquidade
e contemplar a desgraça?
Diante de mim só vejo opressão e violência,
nada mais do que discórdias e contendas.
4Por isso a lei perde a sua força
e o direito desaparece definitivamente;
porque o ímpio cerca o justo
e, por isso, o direito sai falseado.

(...)
2.1 Vou ficar de pé no meu posto de guarda,
vou colocar-me sobre a muralha,
vou ficar à espreita para ver o que Ele me diz,
que resposta dá à minha queixa.


Habacuc, 

Sem comentários:

Enviar um comentário