2011-08-26

As Cores Do Sol

Ao cair da tarde
Penso sempre mais
E a luz que me invade
São as cores naturais

Cada figura
que passa por mim
nem me perturba
e eu fico assim

Longe me leva este silêncio
é o sentir que se altera
são as cores do sol

E eu fico encantada
e eu sinto-me a arder
quando o dia se apaga
deixa tanto por ver

2 comentários:

  1. Bello poema.
    El sol es la suave carícia que a todo penetra y salva.



    Gracias.

    ResponderEliminar
  2. umas vezes suave, outras abrasadoras...também o sol interior!

    Obrigada, sou eu.

    ResponderEliminar