2011-09-24

ah, o passado

Ao fim de quatro anos (quando os nomeio desencadeio sinais efusivos de perplexidade) voltei ao bairro onde vivi os dias, durante vinte anos. As reacções que a minha presença provocou, levam a questionar-me: que parte de mim lá deixei e que o espelho não devolve?

2 comentários:

  1. é uma boa questão.

    e?

    beijinho Maria C.

    ResponderEliminar
  2. não há uma resposta cabal, Luís. Foram 20 anos decisivos que abarcam várias dimensões da mulher que sou. Dos 28 aos 48. Às vezes pergunto-me que mulher sobrou desse tempo.

    Beijinho

    ResponderEliminar