2012-10-22

José Maria Castillo passou por Lisboa

No passado sábado, inesperadamente, cumpri um desejo. Há vários anos que acompanho, através da leitura, algum do pensamento do padre e teólogo espanhol, José Maria Castillo.
A convite do movimento "Nós Somos Igreja" veio a Lisboa, mais propriamente ao convento de S. Domingos, dar uma conferência sobre o "Concílio Vaticano II, 50 anos depois".
Pude comprovar o que já sabia, que é profundissimamente humano, afável, simples e com um enorme amor à Igreja. O que não o impede, ou por isso mesmo, de, profeticamente, ter uma atitude crítica em relação à mesma.

Na bagagem ainda trouxe alguns livros dos que tem publicado. Consegui um "Espiritualidade para insatisfeitos", que teve a simpatia de, a meu pedido, autografar.

O encontro terminou com a Eucaristia celebrada por Frei Bento Domingues, em ambiente de verdadeira comunidade. Sendo eu uma intrusa, não pertenço ao movimento NSI, e foi esta a única actividade em que participei, senti-me em casa.


2 comentários:

  1. que bom que é sentirmos-nos em casa, mesmo quando estamos no meio de desconhecidos.

    beijinhos Maria C.

    ResponderEliminar
  2. capacidade de quem acolhe e de quem sabe ser acolhido. :)

    e ainda tive uma grata surpresa: encontrei um colega blogger, daí da minha coluna da direita. Foi muito bom.

    beijinhos, Luís

    ResponderEliminar