2017-04-25

mas faria muito bem o Tony se, antes de rezar, meditasse nisto:



Todos nós damos vontade de rir. Somos uns pobres diabos. Usando um termo grosseiro: muita cagança, muita cagança e para quê? Somos pequeníssimos. Não é que uma pessoa tenha que aceitar a sua pequenez, mas parece-me bastante triste a vaidade, a presunção, o orgulho, tudo isso com que pretendemos ou queremos mostrar que somos mais do que efectivamente somos. Não será caricato ou ridículo, mas bastante triste. 




José Saramago, in 'Jornal de Letras, Artes e Ideias (2008)' 

Sem comentários:

Enviar um comentário