2019-01-08

é exactamente isto:

O que esteve em causa nesta última polémica não foi o direito de MM a dizer o que mais lhe convém num determinado momento e circunstância, antes o revoltante namoro de já duas décadas que os media portugueses mantêm com ele, assumindo o papel de catalisadores e até agentes dos perigos que anunciam.

3 comentários:

  1. Eu diria, que foi tudo, Maria.

    abraço

    ResponderEliminar
  2. (pois, parece que já não há sábados como antigamente...)

    Abraço e bom fim de semana Maria

    ResponderEliminar
  3. valeu a provocação.

    Este início de ano está a ser complicado demais para o meu gosto. É possível que o silêncio se mantenha por aqui.

    Abraço e obrigada, Luís.

    ResponderEliminar